quarta-feira, 23 de novembro de 2011

Banda do Colégio Minerva

    
Audições para a Banda do Colégio

   Vão decorrer, muito em breve, as audições para ser membro da banda musical do Colégio Minerva!
    Já sabes, se estás interessado, fica atento e entra nesta aventura!


segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Aula de Judo c/ João Pina


     Os alunos do Judo do Colégio Minerva participaram no passado dia 12 de novembro numa demonstração dinamizada pelo atleta olímpico João Pina, bicampeão europeu desta modalidade na categoria de -73 kg.

     Foi uma aula muito divertida e no final ainda tiveram direito a fotos e autógrafos do campeão.

Postais de Natal

    As alunas do 6º ano A deixam-vos aqui mais algumas sugestões de trabalhos relacionados com Expressão Plástica. Não percas os próximos artigos!
É preciso:
  • Cartolina vermelha ou verde
  • Tesoura
  • Papel de lustro ou papel de embrulho
  • Cola
  • Tintas







 


Como fazer:
1. Dobra-se ao meio uma cartolina A4 e corta-se, para obter duas folhas A5.

2. Dobra-se cada uma delas ao meio para fazer dois cartões de Natal.


3. Para os decorares podes:

- cortar um dos modelos abaixo e colá-los na parte de fora do cartão;

- desenhar os modelos abaixo em papel de lustro ou de embrulho, cortá-los e colá-los no cartão;

- usar tintas para pintar um ou mais motivos de Natal;

- recortar e colar as decorações retiradas de papel de embrulho natalício.


Modelos:
4. Escreve, no interior dos cartões, uma mensagem de Natal.

 Agora manda-o aos teus amigos ou coloca-o
 junto da árvore de Natal da tua casa para 
ofereceres aos familiares! 













Trabalho de pesquisa realizado por:
Ana Alves, Beatriz Banha, Catarina Nunes, Cristiana Costa e Raquel Solposto.
6ªA

Forrar livros


    As alunas do 6º ano A decidiram realizar uma pesquisa e recolher algumas sugestões de trabalhos relacionados com Expressão Plástica. Como tal, vão aparecer várias sugestões no jornal. Não percas os próximos artigos!

É preciso:
  • Papel autocolante transparente (ou da cor ou padrão que se preferir);
  • Tesoura (para usar com cuidado);
  • Régua;
  • Lápis (para marcar o que for preciso);
  • 1 pano;


Como fazer:
1 - Desenrola a folha de papel autocolante e coloca-a em cima da mesa (com a parte quadriculada virada para cima).
2 - Põe o livro aberto por cima do papel autocolante.
3 - Marca com o lápis o tamanho do livro e marca, depois, uma margem de, pelo menos, 3 dedos (mais ou menos 4 cm) para fora.
4 - Recorta o papel autocolante pela margem que marcaste.
5 - Agora, põe o livro fechado em cima da mesa com a lombada virada para ti.
6 - Abre uma pequena pontinha do canto do papel autocolante e, com muito cuidado, cola-a no canto do livro, acertando o canto do livro com o local em que o marcaste no papel - fazendo com que a margem fique de fora.
7 - Vai continuando a abrir o papel, ao mesmo tempo que o colas ao livro. Aqui é preciso jeito e, por vezes, ajuda. Não te esqueças de deixar de fora a margem que marcaste!
8 - Para não deixares bolhas de ar no teu livro, vai usando o pano ou a régua para alisar o papel autocolante.
9 - Quando chegares à lombada do livro, pára. É preciso rematar as margens que deixaste de fora.
10 - Com a tesoura, corta um triângulo (com pouco mais de 45º) do papel autocolante em cada canto do livro.

11 - Nos cantos que correspondem à lombada do livro, corta apenas meio triângulo.

12 - Depois, cola as margens para dentro, mais uma vez com muito cuidado para não deixar bolhas de ar.


13 - Cola o papel na lombada, virando o livro e, com a parte do livro que já está forrada para baixo, repete todo o processo anterior.




                         Já está!

Trabalho de pesquisa realizado por:
Ana Alves, Beatriz Banha, Catarina Nunes, Cristiana Costa e Raquel Solposto.
6ªA

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Mais algumas sugestões de leitura...


   Após uma pesquisa realizada pelo aluno Pedro Vila Nova da turma do 6ºano B, aqui ficam mais algumas sugestões de leitura:

  • Crónicas do Vampiro ValentimÁlvaro Magalhães e Carlos J.Campos
  • Coleção Uma aventuraAna Maria Magalhães e Isabel Alçada
  • Uma aventura dos seteEnid Blyton
  • Gerónimo Stilton
  • O Génio DistraídoPaula Cardoso Almeida
  • 365 Piadas Inéditas



Biografia de Teófilo Braga



   Joaquim Teófilo Fernandes Braga nasceu a 24 de Fevereiro de 1843 em Ponta Delgada e morreu a 28 de Janeiro de 1924 em Lisboa. 

     Iniciou muito cedo a atividade profissional, empregando-se na tipografia do jornal A Ilha, de Ponta Delgada, no qual também colaborou como redator. Nesse período colaborou com outros periódicos da ilha de São Miguel, entre os quais os jornais O Meteoro e O Santelmo. 
     Em 1868 fixou-se em Lisboa, onde iniciou a sua atividade como advogado e casou com Maria do Carmo Xavier, de quem teve três filhos. 
    A 18 de Maio de 1871 tornou-se num dos 12 signatários do programa das Conferências Democráticas do casino Lisbonense. 
   Em 1872, concorreu a professor universitário da cadeira de Literaturas Modernas do Curso Superior de Letras. Consegue assegurar o lugar superiorizando-se no confronto com Manuel Chagas e Luciano Cordeiro. 
    A partir de 1884 passa a dirigir a Revista de Estudos Livres, em parceria com Teixeira Bastos. 
    Em 1890 foi pela primeira vez eleito membro do diretório do Partido Republicano Português 
   A 28 de Agosto de 1910 é eleito deputado republicano por Lisboa às Cortes monárquicas, não chegando contudo a tomar posse por entretanto ocorrer a implantação da República Portuguesa. 
   Por decreto publicado no Diário do Governo de 6 de Outubro de 1910 é nomeado presidente do Governo Provisório da República Portuguesa saído da Revolução de 5 de Outubro de 1910. Naquelas funções foi de facto chefe de Estado, já que o primeiro Presidente da República Portuguesa, Manuel de Arriaga, apenas foi eleito a 24 de Agosto de 1911. 
Quando Manuel de Arriaga foi obrigado a renunciar ao cargo de Presidente da República, na sequência da Revolta de 14 de Maio de 1915, Teófilo Braga foi eleito para o substituir pelo congresso, a 29 de Maio de 1915. Sendo um Presidente de transição, face à demissão de Manuel de Arriaga, cumpriu o mandato até ao dia 4 de Agosto de 1915. 


Trabalho de pesquisa realizado por:
Filipe Marques 9ºano




     Frequentou o Liceu de Ponta Delgada e em 1861 partiu para Coimbra onde concluiu o ensino secundário. 

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Projeto Raposa


O projeto denominado "Raposa" (robot semi-autónomo para operações de salvamento) foi concebido pelo Instituto de Sistema e Robótica do Técnico e permite a busca de vítimas em casos de estruturas desmoronadas, ambientes irrespiráveis ou com visibilidade escassa ou nula, sem pôr em risco a vida das equipas de salvamento.O robot semi-automático pode também atuar em caves, túneis e outros locais que apresentem risco elevado.

É composto por uma câmara de filmar e de vídeo e tem capacidade de detetar a localização de uma pessoa ou de um foco de incêndio, dispondo ainda de um microfone e um altifalante que possibilita um diálogo entre um bombeiro e a vítima ou a audição de gemidos debaixo dos escombros.

O robot poderá ainda vir a ser utilizado nas missões internacionais em que o Regimento tem participado, prestando apoio em casos de sismos, como na Argélia (maio de 2003), Irão (dezembro de 2003 e janeiro de 2004) e Marrocos (fevereiro de 2004).

Notícia retirada do site



Trabalho de pesquisa realizado por:
Guilherme Madeira
6ºano B

Gincana Rock in Rio



Este ano, o colégio decidiu participar na gincana do Rock in Rio, projeto que pretende sensibilizar a comunidade para a importância da sustentabilidade.

São 6 tarefas que temos de cumprir. Vamos ter que recolher e separar embalagens e resíduos de equipamentos elétricos e eletrónicos, reduzir o consumo de água e energia, apoiar uma causa social e participar no jogo da Gincana Online.

No dia 1 de novembro demos início à primeira tarefa que consiste na recolha de embalagens e correta deposição no ecoponto amarelo. Esta tarefa termina no dia 30 de novembro, desta forma, contamos com participação de toda a comunidade escolar.

Exposição do atelier de expressão plástica

 Apresentação dos trabalhos realizados no atelier de expressão plástica, dirigido por Teresa Gabão.

Estes trabalhos consistem na moldagem de massa branca, com a qual elaboraram galinhas e lagartas.

Biografia - Rafael Bordalo Pinheiro


  Rafael Augusto Prostes Bordalo Pinheiro (Lisboa, 21 de março de 1846 — 23 de janeiro de 1905) foi um artista português, desenhador, aguarelista, ilustrador, decorador, caricaturista político e social, jornalista, ceramista e professor.De obra vasta espalhada por largas dezenas de livros e publicações, precursor do cartaz artístico em Portugal.


   O seu nome está ligado à origem da caricatura portuguesa, à qual deu um grande impulso.É o autor da representação popular do Zé Povinho, que se veio a tornar num símbolo do povo português.


   Se quiserem conhecer melhor o trabalho deste artista português podem ir ao Museu Bordalo Pinheiro, que fica situado no Campo Grande, 382 - Lisboa, e que conta com uma exposição permanente dedicada inteiramente a este grande artista do século XIX, com secções de pintura, cerâmica e desenho, além de documentação e publicações.
Zé Povinho


Trabalho de pesquisa realizado por:
Pedro Lopes e Bernardo Costa
9ºano

Biografia - Eça de Queiroz

José Maria Eça de Queiroz, nasceu em 25 de Novembro de 1845, na Póvoa do Varzim e faleceu em 1900 em Paris. Aos 16 anos foi estudar direito para Coimbra. Trabalhou como cônsul* de Portugal na Inglaterra. Recebeu grande influência literária do escritor francês Gustave Flaubert de quem foi discípulo.

Nos seus romances podemos observar características, como abordagem de temas do quotidiano, descrição de locais e comportamento de pessoas. As suas obras foram traduzidas em várias línguas.

Eça de Queiroz é considerado, até aos dias de hoje, como sendo um dos principais representantes do realismo português. Algumas obras de Eça de Queiroz:
  1. O primo Basílio;
  2. Os Maias;
  3. O Crime do Padre Amaro;
  4. O Mandarim;
  5. A Tragédia da Rua das Flores;
* Cônsul: funcionário do Ministério dos Negócios estrangeiros que exerce a sua atividade em país estrangeiro e tem a seu cargo a defesa dos interesses dos seus compatriotas e das boas relações comerciais, culturais, etc.

Trabalho de pesquisa realizado por:
Sara Dimas e Inês Oliveira
9ºano

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Halloween


No dia 31 de outubro, festejou-se o Halloween, no âmbito da disciplina de inglês.

Ao longo do dia, todos os alunos participaram ativamente em inúmeras atividades relacionadas com o tema, tais como: casa assombrada, sala lúdica, teatro, concurso da sala mais assustadora e dos objetos elaborados pelos alunos com os seus encarregados de educação, com base no tema "reciclagem".


Para terminar, realizou-se um desfile/baile de máscaras e procedeu-se à entrega dos prémios da sala mais assustador e do objeto feito pelos alunos/encarregados de educação.